quarta-feira, 13 de março de 2013

Habemus Papam: Papa Francisco



A Igreja Católica já tem novo Papa. O cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, de 76 anos, foi hoje eleito como novo Papa da Igreja Católica, o primeiro do continente americano, o primeiro jesuíta e também o primeiro que escolheu o nome de Francisco.

Perante cerca de 150 mil pessoas que lotaram a Praça de São Pedro, no Vaticano, que começou pelas 20h22 locais (19h22 de Lisboa) o novo papa dirigiu-se à multidão com simplicidade:“Sabeis que o dever do Conclave era dar um bispo a Roma: parece que os meus irmãos cardeais foram buscá-lo quase ao fim do mundo”.

O novo Papa surpreendeu os presentes ao pedir “um favor”: “Peço-vos que rezem ao Senhor para que me abençoe, a oração do povo pedindo a bênção pelo seu bispo. Façamos em silêncio esta oração”. Foi um momento emocionante e que deixa desde já uma marca no inicio do seu pontificado, um novo programa pastoral que pretende envolver o povo, pedindo-lhe que, antes do povo ser abençoado pelo novo Papa, ele mesmo seja abençoado pelo povo.


Brevíssima resenha biográfica de Francisco

O novo pontífice é o Cardeal Jorge Mario Bergoglio, Papa Francisco I, que nasceu em Buenos Aires, na Argentina, em 17 de dezembro de 1936.



O Papa jesuíta formou-se como técnico químico, mas depois escolheu o caminho do sacerdócio e entrou para o seminário de Vila Devoto. Em 11 de março de 1958, passou para o noviciado da Companhia de Jesus. Completou os estudos humanistas no Chile e em 1963, de volta a Buenos Aires, formou-se em Filosofia na Faculdade de Filosofia do colégio máximo São José de São Miguel.

De 1964 a 1965, ensinou literatura e psicologia no Colégio da Imaculada de Santa Fé e, em 1966, ensinou essas mesmas matérias no Colégio do Salvador, em Buenos Aires.

De 1967 a 1970 estudou teologia na Faculdade de Teologia do Colégio São José, de São Miguel, onde se formou.

Em 13 de dezembro de 1969 foi ordenado sacerdote.

Sem comentários:

Publicar um comentário